segunda-feira, novembro 10, 2008

Definição do Amor


É um nada Amor que pode tudo;
É um não se entender o avisado,
É um julgar o parvo por sisudo;
É um parar os golpes sem escudo,
É um cuidar que é e estar trocado,
É um viver alegre e enfadado,
É não poder falar e não ser mudo;
É um engano claro e mui escuro,
É não enxergar e estar vendo,
É um julgar por brando o mais duro;
É um não querer dizer e estar dizendo,
É um no mais perigo estar seguro,
É, por fim, um não sei quê que não entendo.


3 comentários:

Querubim disse...

boas Cinda, tens um teste para fazeres vai o meu blog se faz favor ;) eu entrei no jogo espero que tb entres beijokas

IsaLenca disse...

E que coisa mais difícil: definição de Amor? Poderíamos ficar por aqui o dia toda a dissertar.... Lá dizia Camões:"È Fogo que arde sem se ver"! É mesmo, sente-se mas não se vê.

Mas ainda bem que estás com os amores...depois das filas que tens enfrentado....não fosse o diabo tecê-la!!
Bjs

AnaMar disse...

Amar é confiar e muito mais nas descobertas do sentir...
E como é bonita esta definição que aqui li...