quarta-feira, outubro 28, 2009

Dia 31/10/2009 - Peça Teatral "Rosa Esperança"

Apesar das palavras de esperança da médica, senti-me profundamente sozinha. Senti-me perto do fim. Eu podia estar perto do meu fim. Eu sempre me tinha imaginado a viver até aos 80 anos e morrer velhinha ao lado de quem mais amasse, mas agora eu sabia que podia não ser assim! Afinal eu não era imortal como os super heróis que lia desde criança. Foi a primeira vez que senti medo da morte.
Rosa Esperança é um espectáculo forte e sem complexos, que pretende chamar a atenção para uma dura realidade que mata 4 mulheres por dia em Portugal. O Cancro da Mama.
Inserido num projecto de teatro de pesquisa Projecto Mulheres e o Cancro da Mama que interpreta e reinventa histórias de pessoas reais Rosa Esperança conta com a participação de 7 mulheres que, não sendo actrizes, decidiram expor a sua própria experiência de luta contra o cancro e aceitaram o desafio de a partilhar com o publico num palco.

"Rosa, Esperança" um espectáculo que ninguém deve perder!

Concepção Cénica e Encenação de Rui Germano
Produção: Quem Não Tem Cão Oficina de Artistas.

Com:
Alda Caetano
Cacilda Germano
Carla Pedro
Cristina Vicente
Lucinda Almeida
Manuela Almeida
Manuela Matias

Cristina Jordão
José Manuel
Paulo Azevedo
Cristina Esteves

E todos os outros elementos que fazem parte do quadro de abertura e de outras cenas de Rosa Esperança.

Auditório da Universidade do Minho - Pólo de Guimarães

Sem comentários: