terça-feira, janeiro 10, 2012

Balanço

O tempo passa e quase não damos conta. Cinco anos já lá vão desde a minha última quimioterapia e ainda tudo está tão vivo na minha memória como se fosse ontem.

Foram cinco anos de luta contra um inimigo que teimava em derrotar-me, mas que teimosa e casmurra como sou, não lhe fiz a vontade. Certo é, que apesar de terem passado os tão falados “cinco anos”, nada é dado como certo e apesar da força e da grande Vontade de Viver sempre fica a dúvida...

Este espaço de desabafos e onde vim buscar forças e transmitir outras, tem estado paradinho, não fosse o tão famoso Facebook que nos faz “perder” algum do nosso tempo, e abandonar sem querer outras publicações, por vezes mais úteis e abertas a todos que procuram apoio.

Vontade de Viver, iniciou-se no dia 26 de Dezembro de 2007, ano e meio após tudo ter começado e quando tive a noção exacta, por tudo o que tinha passado e quanto podia ser útil a outras mulheres a minha experiência de luta contra o cancro de mama. Durante esse tempo, fui procurando respostas junto de outros blogues e amigos médicos que sempre me apoiaram e me deram a maior força. As dúvidas eram muitas e não queria alarmar a família e alguns amigos, tendo por isso ficado um tanto fechada e lutado comigo mesma, para encontrar as respostas para o que me estava a acontecer. A minha filha tinha apenas 13 anos e precisava muito da mãe e nunca aceitou a possibilidade da não superação da minha doença. Quando tudo estava dado como estabilizado e depois de quase conhecer pessoalmente todas as bloguistas, que hoje são as minhas Grandes Amigas, abri a minha vida para elas e para quem me quisesse ler e aceitar a minha ajuda. Nunca fui mulher de baixar os braços, há sempre uma solução para tudo quando a vontade é grande e gostamos de nós e da vida.

Durante estes cinco anos, conheci pessoas fantásticas, dos mais diversos estratos sociais, mas para mim todas elas têm o mesmo valor, porque o que interessa é o seu interior.

Chorei de tristeza e de alegria. Gritei de dor, de raiva e de liberdade. Partilhei momentos bons e menos bons. Disse coisas bonitas e menos bonitas, mas não deixei nada por dizer.

Rosa Esperança, deu-me a possibilidade de conhecer pessoas lindas que vão ficar sempre comigo, no meu coração e fez com que eu voltasse à minha terra natal, Santarém. Foi, e é, uma experiência que me enriqueceu como pessoa e me deu a possibilidade de partilhar a mensagem de que há vida para lá do cancro. Foram vários os programas de televisão em que pude partilhar essa mensagem, sozinha ou com as amigas, as manifestações de carinho foram muitas e obrigada a todos sem excepção.

Este blogue trouxe-me muitas Amigas “As Amigas do Peito e do Coração” e momentos inesquecíveis que vou querer continuar a ter até ser velhinha. Fui apelidada de muitos nomes, o que já estou habituada, pois até as crianças acham que a Cinda ainda não cresceu! Neste último ano, a vida pessoal tem sido mais atribulada e menos tempo dedicado a este espaço que muitos procuram, mas prometo que vai ficar mais preenchido e mais enriquecido de hoje em diante. Vou dedicar-me mais às mais novas nesta, luta e que precisam sempre de uma força e estou disponível para ajudar, mesmo aqueles que nestes últimos tempos me desiludiram, porque tenho a certeza que ainda precisam mais de ajuda.

O texto já vai longo e o dia está lindo. Vou dar um passeio até ao meu mar, para receber mais uma lufada de energia positiva neste dia frio e de sol de inverno.



7 comentários:

... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
... disse...

Que bom Cinda...5 anos já lá vão e acredito que a vontade de viver e o acreditar se fortalecem a cada dia que passa. Eu ainda estou no início da caminhada. Ainda em campo de batalha...Esta semana farei o 5º de 6 tratamentos de quimio aos quais se seguirá a radio. No entanto, sei que estou em vantagem. O inimigo já está adormecido e tenho a certeza que o manterei assim. As minhas armas são fortes: um ENORME amor pela vida, uma família que me ama e uma profissão que me completa. Este bicho comigo não terá hipóteses :).
Mas este comentário é acima de tudo para te agradecer por seres também uma das amigas que fiz com a doença, apesar de não te conhecer ainda pessoalmente. Têm sido muito importantes as palavras de força e confiança que tu e as outras meninas me transmitem, assim como os esclarecimentos às milhentas dúvidas que vão surgindo. Muito, muito obrigada!

IsaLenca disse...

Início do ano e excelente altura para um balanço. E um balanço Positivo! Continuas em frente e de cabeça erguida! És uma pessoa mais rica!
Venham muitos e muitos mais com as tuas Amigas do Peito e do Coração por perto. Eu sou e serei uma delas. Obrigada também a ti.

Nota: e continua assim- Cinda Furacão, Maria Laurinda, Pilhas Duracell, Spidada...etc,...assim deves continuar a ser.
Bjs

Nela disse...

Maria Laurinda, parabéns! Só isto... Parabéns!

Paula disse...

Continua como és uma MULHER FANTASTICA

Ainda bem que te conheci e no grupo das amigas do peito e do coração


Adoro-te


Beijokas

laura disse...

Cindinha,

Gosto muito de ti (e das outras também...)

O nosso grupinho é uma delícia só é pena termos tantas amigas tão jovens, tão queridas na passagem difícil deste deserto tão doloroso, cancro malvado.

Cinda, se te arranjamos "nomes" crê que são com ternura, estilo humor inglês... Com amigas assim...
Mas podes ter a certeza todas te adoramos. Continua a seres "tu" e mainada!

Ana Camões disse...

ADOREI CONHECER-TE!!! E vais estar sempre no meu coração!!! Adoro-te MULHER!!! És um testemunho grandioso!!! E sei que estas sempre disponível para ajudar!!!
Obrigada por entrares na minha vida!!! Beijinhosssssssssssssssssss