segunda-feira, setembro 30, 2013

Seis anos de mudança



O Outono chegou e com ele a nostalgia normal da época, fazendo com que os sentimentos mais profundos se deixem transparecer.
Para quem me vem lendo, há 6 anos a esta parte, sabe que o meu sentido crítico anda sempre por aí, assim como a minha incondicional solidariedade para quem precisa e a quer receber. Este cantinho, que teve origem por uma razão muito especial, começa a deixar de ter muito para contar, relacionado com o bicho que me queria derrubar.
Não o vou abandonar, de forma alguma, mas vou transformá-lo num espaço de partilha do dia-a-dia de quem lutou e ganhou a batalha.
Foram muitos os textos que partilhei, com quem quis ler e comentar, muitas as lágrimas que caíram enquanto escrevia e lia os comentários, recebi muitas energias e transmiti muitas outras, fiz amizades lindas para a vida, mas também foram alguns os dissabores. Hoje consigo separar os amigos, dos não amigos, e aprendi a dar a quem merece, sempre com um sorriso e um abraço e até muitas vezes a ignorar coisas que ouço e vejo para não me magoar.
Em convalescença de mais uma cirurgia, espero sinceramente ser a última porque as anestesias já se fazem sentir, vou daqui em diante fazer deste espaço, um cantinho de consulta das descobertas e algumas dicas para quem está ou vier a passar por tudo o que eu passei e que, com muita Vontade de Viver e muitas energias positivas, superei.
A todas as amigas do Peito e do Coração que me receberam, ajudaram e acompanharam, o meu muito, muito obrigada.
Outubro começa amanhã, e mais uma vez se vai falar de “Cancro da Mama” que felizmente já se consegue controlar, com mais terapias inovadoras.
Vamos todos estar atentos e tomar consciência que a prevenção é o melhor tratamento.



3 comentários:

Maria de Lourdes disse...

Olá Cinda
passei por aqui para te deixar um abraço: Maria de Lourdes

Otilia Borges disse...

Ola Cinda
Mais uma vez vais superar com a tua vitalidade e vontade este episódio. Desejo-te que seja o último, do fundo do coração.
beijinho grande

Gigi disse...

Olá querida, como vai essa recuperação?

Fico feliz por não terminares com o teu blog, gosto sempre de te ler.

Beijinhos grandes e rápidas melhoras.

Gigi